DICAS DT 180 - PODEM POSTAR DICAS PESSOAL

Conversas, dúvidas e dicas pra manter nossas companheiras !

Moderador:TCC

rrosenente
... + de 50 mensagens
... + de 50 mensagens
Mensagens:60
Registrado em:15 Abr 2010, Qui, 19:54
DICAS DT 180 - PODEM POSTAR DICAS PESSOAL

Mensagem por rrosenente » 27 Jul 2010, Ter, 23:19

Galera do fórum
Seguinte....quem tiver dica quanto a;
regulagem,
alterações,
troca de peças,
peças alternativas,
dicas de problemas,
locais para encontar peças(novas/usadas)...
mecanicos entendidos nas velhinhas rsrs
etc..

algo que acontenceu com quem já teve ou ainda tem DT 180, vamos criar aqui um meio de trocar informações e conhecimento...não custa nada e pode ajudar algumas pessoas...assim como eu rsrs.

Vamos colaborar gente....

Valeu...espero que tenhamos alguns posters...
Editado pela última vez por rrosenente em 29 Jul 2010, Qui, 21:50, em um total de 3 vezes.

Alan Michel Meinberg
... + de 200 mensagens
... + de 200 mensagens
Mensagens:248
Registrado em:31 Mar 2010, Qua, 14:43

Re: DT 180 DEMORA PRA PEGAR

Mensagem por Alan Michel Meinberg » 28 Jul 2010, Qua, 15:36

LEVA NA MOTO WAY E FALA COM O ROGÉRIO (GRAXA) ELE VAI DEIXAR ESSA TUA MOTO UM CANHÃO,ANDANDO MAIS Q DT 200,SÓ Q É UM MOTOR POR TRILHA RSRSRS,BRINCADEIRA.


MOTO WAY-3376-2605

ESPECIALIZADA EM

DT 180

XL 250 E 350

CB 400 :;;; :;;; :;;; :;;;

Avatar do usuário
MotaHC
... + de 200 mensagens
... + de 200 mensagens
Mensagens:285
Registrado em:19 Jul 2010, Seg, 18:17

Re: DICAS DT 180 - QUEM TEM ?

Mensagem por MotaHC » 29 Jul 2010, Qui, 18:43

1° PEÇAS....
SEMPRE QUE FOR TROCA-LAS, PROCURE SEMPRE REPOR PEÇAS ORIGINAIS, OU QUALIDADE ORIGINAL...
O GRANDE PROBLEMA DA MÁ FAMA DE DT 180, 200 E AFINS... É A BIG PREPARAÇÃO, UTILIZANDO-SE DAS PEÇAS + BARATAS E FACEIS DE ENCONTRAR NO MERCADO PARALELO....
UMA MONTAGEM ESPECIALIZADA DO MOTOR, TAMBÉM GARANTE UM BOM FUNCIONAMENTO DO CONJUNTO... VC VAI GASTAR MAIS... POREM O RENDIMENTO SERÁ BEM MELHOR.. E A MOTO DICILMENTE IRÁ DAR DEFEITO.. CLARO QUE ALEM DISSO DEPENDE DO JEITO QUE VC TOCA O MOTOR...

rrosenente
... + de 50 mensagens
... + de 50 mensagens
Mensagens:60
Registrado em:15 Abr 2010, Qui, 19:54

Re: DICAS DT 180 - QUEM TEM ?

Mensagem por rrosenente » 29 Jul 2010, Qui, 18:56

MotaHC escreveu:1° PEÇAS....
SEMPRE QUE FOR TROCA-LAS, PROCURE SEMPRE REPOR PEÇAS ORIGINAIS, OU QUALIDADE ORIGINAL...
O GRANDE PROBLEMA DA MÁ FAMA DE DT 180, 200 E AFINS... É A BIG PREPARAÇÃO, UTILIZANDO-SE DAS PEÇAS + BARATAS E FACEIS DE ENCONTRAR NO MERCADO PARALELO....
UMA MONTAGEM ESPECIALIZADA DO MOTOR, TAMBÉM GARANTE UM BOM FUNCIONAMENTO DO CONJUNTO... VC VAI GASTAR MAIS... POREM O RENDIMENTO SERÁ BEM MELHOR.. E A MOTO DICILMENTE IRÁ DAR DEFEITO.. CLARO QUE ALEM DISSO DEPENDE DO JEITO QUE VC TOCA O MOTOR...
Valeu pela dica.

rrosenente
... + de 50 mensagens
... + de 50 mensagens
Mensagens:60
Registrado em:15 Abr 2010, Qui, 19:54

Re: DICAS DT 180 - QUEM TEM ?

Mensagem por rrosenente » 29 Jul 2010, Qui, 21:13

REGULAGEM CARBURADOR MIKUNI DT/RD


1) Depois de retirar o carburador da moto, abra o parafuso de dreno da cuba (parafuso Philips que fica bem abaixo da cuba) para que a gasolina que está na cuba seja drenada.
Foto 16A

2) Apóie o carburador de cabeça para baixo e solte os 4 parafusos Philips da cuba
3) Retire a cuba e chega-se aos componentes internos do carburador:

4) Com o alicate, retire o pino de fixação da bóia:

5) A seguir, retire a agulha do carburador, com cuidado para não danifica-la:


6) Com a chave de fenda, retire o gicleur de baixa:


7) A seguir, retire o gicleur de alta. Ele está fixo no seu difusor. Com uma chave 8,0mm, segure o difusor e com uma chave 6.0mm, desrosqueie o gicleur de alta:



8) Com o gicleur de alta fora, retire o difusor.
Abaixo do difusor, existe um anel o’ring. Retire-o também:



9) Retire a junta que veda a cuba do carburador:


10) Com uma chave 10,0mm, retire a sede da agulha da bóia e sua junta:


11) Agora os componentes externos: Com a chave Philips, retire o parafuso de regulagem da marcha lenta e com a chave de fenda, retire o parafuso da mistura ar/combustível:


12) Com a chave de boca 12,0mm, retire o afogador:


13) Agora temos todos os componentes separados do corpo do carburador:





Limpeza:


Em uma cuba com gasolina, comece limpando os componentes do carburador com um pincel. Não passe nada pelo orifício dos gicleurs.

A seguir limpe o corpo do carburador, também com gasolina e pincel

Seque todos os componentes com ar comprimido. No carburador, passe o jato de ar em todos os dutos. Passe também ar comprimido no orifício dos gicleurs.

----


Verificação dos componentes:



Uma coisa que poucos atentam é para o peso da bóia do carburador. Se ela estiver acima do peso, vai restringir a entrada de combustível na cuba. O que costuma acontecer é que a bóia, com o passar dos anos, acaba absorvendo a gasolina para seu interior e ficando assim mais pesada. Uma forma caseira de se verificar isso é forçar com a unha a parte plástica da bóia. Se “verter” gasolina onde se está pressionando, troque a bóia.




Verifique também o estado da fenda do gicleur de baixa. Se estiver ruim, troque-º É mais barato trocar o gicleur do que gastar depois para retirar o gicleur em um torneiro, por que a chave de fenda não consegue mais afrouxá-lo.

A junta que une o corpo do carburador e a cuba também deve ser conferida. Se estiver rasgada, troque-a.


Regulagem





Coloque a sede da bóia do carburador (atenção com a sua junta). Coloque a agulha da bóia, a bóia e seu pino.

Com a bóia no lugar, é hora de fazer sua regulagem. Com o carburador de cabeça para baixo, incline-o para a frente até que a bóia se afaste da agulha. Volte um pouco, até a bóia encostar na agulha, mas não empurra-la pra baixo. Esse é o ponto de regulagem da altura da bóia. Com o paquímetro, meça a distância entre o ponto mais alto da bóia e a base do carburador (aonde vai a junta). Essa distância deve ser de 21mm.


Se a altura não estiver correta, regule a bóia através da lingüeta que se apóia na agulha. Dobre com cuidado a lingüeta para cima ou para baixo até chegar a medida da regulagem:


Agora é hora de regular o parafuso da mistura ar/combustível. Rosqueie o parafuso até o final (sem forçar). A regulagem original é abrir o parafuso (desrosquear) 1,5 volta. Cada vez que o parafuso é aberto (desrosqueado – sentido anti-horário), a mistura empobrece, pois a passagem de ar é maior. Cada grau de aperto, a mistura enriquece, pois o parafuso estrangula a passagem do ar.

A agulha do pistonete tem 5 canais, onde se regula a sua altura através de uma presilha meia-lua. A regulagem original é no 3º canal, ou seja, o do meio. A agulha regula a passagem de combustível pelo gicleur de alta, durante os regimes de média para alta. Ao se colocar a trava no 1º canal, irá estrangular essa passagem, e com isso o motor receberá menos combustível. Ao contrário, se colocar a trava no 5º canal, a passagem será maior




Montagem:



Depois de tudo limpo e seco, é hora da remontagem. Coloque o gicleur de baixa, o difusor (não esqueça de colocar o anel o’ring antes) e o gicleur de alta. Coloque a junta do carburador, a cuba e seus 4 parafusos Philips (não esqueça da presilha por onde passa o tubo do respiro lateral do motor, que vai fixado a um dos parafusos da cuba. Coloque o afogador e o parafuso de regulagem da marcha lenta (não esqueça da mola).

Coloque os tubos de respiro lateral e do dreno da cuba.

O pistonete do carburador tem uma posição específica de colocação. Note que ele tem uma estria fina e um recorte no “lado” oposto. A estria desliza pela guia interna do carburador (mantendo sua posição independentemente da altura que esteja) e o recorte assenta sobre o parafuso de regulagem da marcha lenta. Ao se apertar o parafuso da marcha lenta, este empurra para cima o pistonete, fazendo passar maior quantidade de ar pelo venturi do carburador, aumentando a lenta.




Anexo



Vista explodida do carburador Mikuni VM 24 (Yamaha DT 180 e TDR 180):
Anexos
CARB3.jpg
COMPONENTES INTERNOS
CARB5.jpg
AGULHA DO CARBURADOR
CARB8.jpg
RETIRANDO GICLE DE ALTA
CARB9.jpg
RETIRANDO O DIFUSOR
CARB10.jpg
JUNTA QUE VEDA A CUBA
CARB11.jpg
RETIRANDO A SEDE DA AGULHA DA BOIA
CARB12.jpg
RETIRANDO PARAFUSO MARCHA LENTA
CARB13.jpg
RETIRANDO AFOGADOR
CARB14.jpg
VERIFICANDO A BOIA
Editado pela última vez por rrosenente em 29 Jul 2010, Qui, 21:37, em um total de 2 vezes.

rrosenente
... + de 50 mensagens
... + de 50 mensagens
Mensagens:60
Registrado em:15 Abr 2010, Qui, 19:54

Re: DICAS DT 180 - QUEM TEM ?

Mensagem por rrosenente » 29 Jul 2010, Qui, 21:23

REMODULANDO FILTRO DE AR DT 180

Há algum tempo, eu uso um filtro de pvc em minha DT 180, com captação de ar pelas duas tampas do tubo de PVC. Tinha uma boa vazão, porem, eu sempre tinha muita dificuldade para a remoção das espumas. Depois que vi o filtro do cabral é que consegui ter uma boa idéia, na verdade, eu copiei a idéia do cabral que a meu ver, é fantastica, simples e muito funcional. E o pior, é que sempre tive tudo na mão, mas nunca, repito, nunca tive a idéia de usar uma espuma nesta posição. É até engraçado, mas as vezes, vc naum consegue enxergar as coisas de uma forma diferente. Cabral66, valeu!
Seguem algumas fotos da "cópia":

Uma conexão de 100 pra 40 mm, uma curva de 45º (graus), 2 tampas cegas, mais as canaletas para prender a espuma, tá feito; aqui sai por menos de R$ 50.00
Anexos
FILTRO5.jpg
FIXADO NO QUADRO
FILTRO4.jpg
FURAÇÃO DA CAPTAÇÃO DE AR
FILTRO3.jpg
COMEÇANDO A TOMAR FORMA
FILTRO2.jpg
FILTRO PASSANDO PELAS REFORMULAÇÕES
FILTRO1.jpg
MATERIAL UTILIZADO

rrosenente
... + de 50 mensagens
... + de 50 mensagens
Mensagens:60
Registrado em:15 Abr 2010, Qui, 19:54

Re: DICAS DT 180

Mensagem por rrosenente » 29 Jul 2010, Qui, 21:40

DICAS DE PREPARAÇÃO BÁSICA

1) Relação de Transmissão: Substitua a original por uma com Coroa de 48 dentes e um Pinhão de 12 dentes. Com essa relação mais curta, sua moto perde um pouco de velocidade final, mas ganha muito mais força, ficando mais adequada ao uso off road. Além disso, coloque uma corrente com Retentor, pois ela impede que a lama e areia entre nos roletes desgastando-a mais rápido. A Tribos e Trilhas possui uma excelente relação, testada nas pistas e provas, com Coroa e Pinhão marca Riffel e Corrente CIC com Retentor.

2) Ponteira: A Ponteira Original, além de muito pesada, possui muito material interno para abafar o ruído. Esse excesso de material segura muito a saída dos gases, “amarrando” dessa forma o motor, deixando-o mais “preso”. Instale uma Ponteira do tipo esportiva.
Além de deixar a sua moto mais leve, oferece algum ganho de potência, deixa com um ruído mais forte e a moto fica mais “esperta” nas respostas.

3) Protetor de Mão: Acessório de proteção muito importante, pois nas trilhas ou competições as mãos ficam muito expostas a impactos contra árvores ou mesmo por objetos lançados por outras motos como pedras. Além disso, ajudam a proteger os manetes em caso de queda. Você pode instalar um Protetor de Mão Fechado comum, e o mais resistente é o prot. mão fechado com alma de alumínio, pois possui uma barra de aluminio em seu interior.

4) Guidão: Retire o original de Aço e instale um de Alumínio. Além de deixar sua moto mais leve, ele também é mais resistente, e muito mais bonito. Existem guidões de alumínio 22 mm (que possuem barrinha central para instalar equipamentos de navegação e enduro) e guidões 28,5mm chamados de FAT BAR e são mais resistentes que os comuns.

5) Number Plate ou Carenagem: Você pode dar um visual diferente e exclusivo instalando uma carenagem mais moderna, bonita e mais atual ou ainda, se não for utilizar o farol, colocar um Number Plate, que tem custo mais acessível e deixa a moto mais leve.

6)Travas de Pneu: A trava para Pneu impede que o pneu “escorregue” sobre o aro, o que causaria o furo da Câmara de Ar. Mesmo com a pressão dos pneus baixas (o que é comum no fora de estrada), a trava dificulta que a Câmara seja furada.

7) Paralamas: Além de dar um visual bem mais moderno e bonito, conserva os plásticos originais de sua moto, permitindo que você monte de volta para vendê-la.
Conheça os estilos mais convencionais e a febre dos modelos Super Motard, como são universais servem para todas as motos. Coloque também uma Lanterna de LED na traseira, pois oferece mais segurança e deixa a sua moto com um visual incrível pois o LED acende em carreira.

08) Caixa do Filtro de Ar: Se você colocar uma Ponteira esportiva, isso aumentará a vazão de saída dos gases do motor. Para compensar, você precisa aumentar a vazão do ar de entrada. Para isso, faça alguns furos na caixa do Filtro de Ar.
Mas atenção: procure fazer os furos na parte superior da Caixa, no mesmo nível ou acima do furo original, para que ao passar pela água a mesma não entre dentro da caixa. Escolha também um lugar “escondido” para dificultar a entrada de muita poeira.

09) Cinta desatoladora: A cinta desatoladora é instalada na frente da moto e na parte traseira e usada nas horas de sufoco, para puxar ou desatolar a moto. Quando vc atolar vai lembrar muito dela…

10) Tanques plásticos: Os tanques deixam a moto mais leve e preservam o tanque original da moto.

11) Acelerador Rápido: o uso do acelerador rápido para moto de trilha deixa as respostas mais rápidas pois pussui apenas 1/4 de volta.

12) Pneus: Substitua os pneus originais por um Pneu Tipo Biscoito desenvolvido especialmente para prática Off Road.
Essa alteração é fundamental para quem quer se iniciar no esporte, pois a tração em qualquer terreno (principalmente em subidas e lama) fica muito melhor, assim como a aderência em curvas e as frenagens que serão mais seguras. Para saber o pneu ideal para trilha de acordo com o terreno leia no BLOG da Tribos e Trilhas o item QUAL PNEU IDEAL?.

13) Aros: Dê um visual diferente com aros para moto coloridos ou mesmo pretos e ganhe com a leveza do alumínio.

-Retire os retrovisores e as setas. Além de aliviar o peso, eles podem se quebrar com facilidade nas trilhas.

- Retire também (se for possível) Bagageiro, Lanterna traseira, Buzina, Painel, Pedaleira do garupa e Capa de corrente.

- Suspensão Dianteira: Substitua o Óleo original das Bengalas por Óleo de motor de Carro (tipo 20W40), que é mais viscoso (grosso) que o original, tornando a suspensão mais rígida e assim mais adequada ao off road. Caso for piloto Pró, busque uma oficina de preparação especializada.

- Suspensão Traseira: Se a mesma tiver regulagem, coloque-a no máximo, ou seja, com a mola o mais comprimida possível. Isso a endurece mais, ficando mais adequada. Evite o uso de “Alongadores”, pois eles não aumentam o curso da suspensão (apenas deixam a moto mais alta) e deixa a suspensão mais sujeita a quebras. Caso for piloto Pró, busque uma oficina de preparação especializada.

- Filtro de Ar: Se o mesmo for de Papel, procure substituí-lo por um de Espuma. Além de ser mais adequado, pode ser reutilizado, basta lava-lo com detergente. Após lava-lo, umideça-o com um óleo fino, por exemplo óleo desengripante spray. Isso ajuda a prevenir a entrada de poeira no motor.

-Leve umas ferramentas básicas para trilha num bag de paralama (é parafusado no paralama traseiro)ou bag de cintura, certamente farão a diferença num momento de sufoco.

8) Manoplas: Você pode colocar Manoplas específicas para Off Road, Pretas ou Coloridas. Além de dar mais pega, facilitando a pilotagem, dá um novo visual a sua moto, principalmente se for da mesma cor do Protetor de Mão. Veja os modelos:
Cobra
Megaville
Orbital.

- Retire os retrovisores e as setas. Além de aliviar o peso, eles podem se quebrar com facilidade nas trilhas.

- Retire também (se for possível) Bagageiro, Lanterna traseira, Buzina, Painel, Pedaleira do garupa e Capa de corrente.

- Suspensão Dianteira: Substitua o Óleo original das Bengalas por Óleo de motor de Carro (tipo 20W40), que é mais viscoso (grosso) que o original, tornando a suspensão mais rígida e assim mais adequada ao off road.

- Suspensão Traseira: Se a mesma tiver regulagem, coloque-a no máximo, ou seja, com a mola o mais comprimida possível. Isso a endurece mais, ficando mais adequada. Evite o uso de “Alongadores”, pois eles não aumentam o curso da suspensão (apenas deixam a moto mais alta) e deixa a suspensão mais sujeita a quebras.

- Filtro de Ar: Se o mesmo for de Papel, procure substituí-lo por um de Espuma. Além de ser mais adequado, pode ser reutilizado, basta lava-lo com detergente. Após lava-lo, umideça-o com um óleo fino, por exemplo óleo desengripante spray. Isso ajuda a prevenir a entrada de poeira no motor.

- Caixa do Filtro de Ar: Se você colocar uma Ponteira esportiva, isso aumentará a vazão de saída dos gases do motor. Para compensar, você precisa aumentar a vazão do ar de entrada. Para isso, faça alguns furos na caixa do Filtro de Ar. Mas atenção: procure fazer os furos na parte superior da Caixa, no mesmo nível ou acima do furo original, para que ao passar pela água a mesma não entre dentro da caixa. Escolha também um lugar “escondido” para dificultar a entrada de muita poeira.

- Pneus: Substitua os pneus originais por um Traseiro e um Dianteiro Tipo Biscoito
Essa alteração é fundamental para quem quer se iniciar no esporte, pois a tração em qualquer terreno (principalmente em subidas e lama) fica muito melhor, assim como a aderência em curvas e as frenagens que serão mais seguras.

Jefereson
... + de 500 mensagens
... + de 500 mensagens
Mensagens:586
Registrado em:12 Dez 2009, Sáb, 23:35
Regularidade:Não
FIM:Não
XC:Não
MX:Não
Trilhas:Não
Localização:São José dos Pinhais

Re: DICAS DT 180 - PODEM POSTAR DICAS PESSOAL

Mensagem por Jefereson » 30 Jul 2010, Sex, 13:57

Kara párabens :!: :!:
Falando sério , deu até uma vontade de comprar uma DT pra ficar "pirando a cabeça" .
É disso que "tô" falando : MÃO NA MASSA PRA VC CONHECER A MOTO
Muito bom o tópico e acredito que vai ajudar bastante gente
Párabens mesmo

rrosenente
... + de 50 mensagens
... + de 50 mensagens
Mensagens:60
Registrado em:15 Abr 2010, Qui, 19:54

Re: DICAS DT 180 - PODEM POSTAR DICAS PESSOAL

Mensagem por rrosenente » 30 Jul 2010, Sex, 15:22

Jefereson escreveu:Kara párabens :!: :!:
Falando sério , deu até uma vontade de comprar uma DT pra ficar "pirando a cabeça" .
É disso que "tô" falando : MÃO NA MASSA PRA VC CONHECER A MOTO
Muito bom o tópico e acredito que vai ajudar bastante gente
Párabens mesmo
Valeu...
Criado afim de ajudar quem está iniciando..
Acredito que tem varios detalhes que aos poucos irão surgir com post do pessoal entendido ae.

Ajudar nunca é ++++

Herbert
... + de 30 mensagens
... + de 30 mensagens
Mensagens:48
Registrado em:30 Abr 2011, Sáb, 9:24
Regularidade:Não
FIM:Não
XC:Não
MX:Não
Trilhas:Não

Re: DICAS DT 180 - PODEM POSTAR DICAS PESSOAL

Mensagem por Herbert » 01 Mai 2011, Dom, 20:10

SOU PROPRIETÁRIO DE UMA DT FIZ AS SEGUINTES MODIFICAÇÕES:
* CAMISA FOI ABERTA NA ADMISSÃO E ESCAPE
* FEITO 2 FUROS NA JANELA DE ADMISSÃO PARA A TRANSFERÊNCIA
* FURADO O PISTÃO PARA LUBRIFICAR A GAIOLA
* CDI COMPETIÇÃO MAGNATROM
* ESCAPE GEMOTO
* PONTEIRA WACS
* TAXADO O VIRA BREQUIM
TENHO UM MANUAL PARA PREPARACÃO DE MOTOR DT 180 E RD 135 SE SE TIVER UM POUCO DE CONHECIMENTO EM MECÂNICA PODE FAZER EM CASA. E MAI PARA CONTATO herbertbatistadasilva@yahoo.com.br
Anexos
DSCF0326.JPG

Avatar do usuário
Rodrigo
Site Admin
Site Admin
Mensagens:1243
Registrado em:28 Jul 2004, Qua, 18:54
Regularidade:Sim
FIM:Sim
XC:Não
MX:Não
Trilhas:Sim
Localização:Curitiba
Contato:

Re: DICAS DT 180

Mensagem por Rodrigo » 02 Mai 2011, Seg, 19:11

rrosenente escreveu:DICAS DE PREPARAÇÃO BÁSICA
1) Relação de Transmissão: Substitua a original por uma com Coroa de 48 dentes e um Pinhão de 12 dentes. Com essa relação mais curta, sua moto perde um pouco de velocidade final, mas ganha muito mais força, ficando mais adequada ao uso off road. Além disso, coloque uma corrente com Retentor, pois ela impede que a lama e areia entre nos roletes desgastando-a mais rápido. A Tribos e Trilhas possui uma excelente relação, testada nas pistas e provas, com Coroa e Pinhão marca Riffel e Corrente CIC com Retentor.
Use relação da DT200 que é mais reforçada (corrente mais grossa).
rrosenente escreveu: - Suspensão Dianteira: Substitua o Óleo original das Bengalas por Óleo de motor de Carro (tipo 20W40), que é mais viscoso (grosso) que o original, tornando a suspensão mais rígida e assim mais adequada ao off road. Caso for piloto Pró, busque uma oficina de preparação especializada.
Não faça isso, já comprei uma DT que veio assim, sua moto vai ficar sem suspensão nenhuma na frente e seu braço não aguenta de tão dura que fica. Se precisar coloque uma mola de calço (de comando de válvula) e aumente um pouco o n´vel do óleo (se estiver dando fim de curso direto). Mas use o óleo original.
Equipe Piratrilhas
Campeão Sênior Copa TCC 2011
Digibyte Sistemas de Folha de Pagamento, Contabilidade e Fiscal

maurorenan2011
... + de 300 mensagens
... + de 300 mensagens
Mensagens:339
Registrado em:03 Set 2011, Sáb, 16:27
Regularidade:Não
FIM:Não
XC:Não
MX:Não
Trilhas:Sim

Re: DICAS DT 180 - PODEM POSTAR DICAS PESSOAL

Mensagem por maurorenan2011 » 09 Abr 2012, Seg, 14:16

:))) sobe que e interessante :)))

Responder